Alcolumbre repudia fala de Eduardo Bolsonaro sobre AI-5: “Absurdo e lamentável”

999976527
source
Alcolumbre sério da mesa da presidência do Senado arrow-options
Waldemir Barreto/Agência Senado
Presidente do Senado considerou declaração Eduardo “lamentável”

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre , divulgou uma nota de repúdio à declaração do deputado federal Eduardo Bolsonaro na qual ele sugere a possibilidade de um novo AI-5 como resposta a uma “radicalização da esquerda” . “É lamentável que um agente político, eleito com o voto popular, instrummento fundamental do Estado Democrático de Direito , possa insinuar contra a ferramente que lhe outorgou o próprio mandato”, escreveu Alcolumbre.

A menção de Eduardo ao ato institucional que fechou o congresso e marcou o período mais violento da ditadura no Brasil foi feita durante entrevista à jornalista Leda Nagle, veiculada no canal do YouTube dela na manhã desta quinta-feira (31).

Leia também: “Eduardo Bolsonaro não passa de um Che Guevara”, diz Kim Kataguiri

Na nota, o presidente do Senado também afirmou que “é um absurdo ver um agente político, fruto do sistema democrático, fazer qualquer tipo de incitação antidemocrática”. “É inadmissível essa afronta á Constituição”, completou.

Mais cedo, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, também se manifestou sobre o caso . No Twitter, Maia disse que “manifestações como a do senhor Eduardo Bolsonaro são repugnantes, do ponto de vista democrático, e têm de ser repelidas como toda a indignação possível pelas instituições brasileiras”.

0 Comentários “Alcolumbre repudia fala de Eduardo Bolsonaro sobre AI-5: “Absurdo e lamentável””

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

De 1 a 5, qual sua nota para os serviços oferecidos pela COPASA em São Gotardo?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...