Após decisão judicial, menores que moravam com os avós em São Gotardo, retornam para junto da mãe nos Estados Unidos

Foto Capa: Reprodução/SGTV
Foto Capa: Reprodução/SGTV

Uma história que envolve emoção, delicadeza, justiça e amor de pais e avós. Na manhã desta última segunda-feira (12/03) em São Gotardo, foi cumprido um mandato judicial, que determinou a ida de dois menores que moravam com os avós na cidade, para os Estados Unidos da América, onde atualmente vive a mãe das crianças. Na versão dos avós, o pai das crianças, teria sido “traído” pela antiga esposa e mãe dos meninos quando a família morava nos Estados Unidos e teria vindo com as crianças para o Brasil. Na versão da mãe, o homem teria fugido com as crianças para o país, após elas serem entregues para ele para passarem um final de semana, após a separação do casal.

Na manhã desta segunda (12),  procurador da União Seccional, André Luiz Dornelas, esteve em São Gotardo para cumprir mandato judicial para que dois menores, que moravam com os avós, retornassem aos cuidados da mãe nos Estados Unidos. De acordo com a reportagem exibida pelo canal local SGTV, a mãe, natural de Tiros, alega que o pai trouxe as crianças para o Brasil escondidas dela e sem autorização. Os avós afirmam que os menores chegaram a gravar um vídeo denunciando maus tratos da mãe, fatos que para a avó, nunca foram investigados pela justiça. A despedida entre as crianças e os avós foi emocionante.

(CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE)Uninter-2

Em conversa com a avó das crianças, a Senhora Neide Aparecida Dias, ela contou a equipe de reportagens do Portal SG AGORA, que o pai das crianças está preso, após segundo a avó, ser enganado pela ex-mulher e mãe dos meninos e retornar para o Estados Unidos para tentarem reatar o relacionamento e ser pego em uma “armadilha”. Na versão da mãe, ela conta em um vídeo publicado nas redes sociais, que sofria agressões constantes por parte do ex-marido e por isso decidiu se separar dele. Ainda de acordo com a mãe, as crianças teriam sido trazidas para o Brasil no ano de 2016. O advogado da mulher, Rodrigo Padilha, será o responsável para acompanhar as crianças para os Estados Unidos.

Em reportagem a SGTV, a avó disse que mesmo que contrariada e de coração partido, a partir de agora, tudo o que ocorrer com as crianças, será de responsabilidade das autoridades judiciais e da mãe dos meninos. A avó também disse que mesmo desacreditando na justiça do homem, acredita na justiça de Deus. Apesar da comoção principalmente dos avós das crianças, os dois menores foram levados de São Gotardo e foram encaminhados inicialmente para Brasília e deverão retornar nesta terça-feira (13/03) para os Estados Unidos, acompanhados do advogado da mãe das crianças.

Confira o vídeo da mãe das crianças, relatando sua versão do assunto:

Confira o vídeo com a reportagem completa exibida pela SGTV:

Reportagem: Diego Oliveira/Portal SG AGORA / Fonte da Reportagem e Vídeo do Youtube: Apuração de Reportagens Equipe Portal SG AGORA/Hudson Melo/SGTV /Facebook/CH1LD Foto Capa: Reprodução/SGTV

Tags

0 Comentários “Após decisão judicial, menores que moravam com os avós em São Gotardo, retornam para junto da mãe nos Estados Unidos”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

Qual deve ser o nome do mascote do Portal SG AGORA na FENACEN 2019?

  • Hilário (64%, 34.261 Votos)
  • Oscar (32%, 17.052 Votos)
  • Horácio (2%, 1.338 Votos)
  • Rabitt (2%, 968 Votos)
  • Millo (0%, 63 Votos)

Total de Participantes: 53.682

Carregando ... Carregando ...