Cuidados com os alimentos crus

Foto: Petite blog

Muitos afirmam que comer alimentos crus é benéfico à saúde. Sim, pode ser, mas, na realidade, nem sempre é assim, mesmo no caso de frutas e verduras. Isso porque a qualidade dos alimentos está associada também à sua origem e à forma como é manuseado. Uma vez que diferentes bactérias, capazes de grandes estragos à saúde, podem estar presentes. Uma das doenças à espreita quando esses cuidados são relaxados é a yersiniose, que é uma infecção que atinge especialmente o intestino delgado.

Para evitar doenças como esta a prevenção é fundamental. No caso de frutas, por exemplo, lavá-las com água limpa e tratada. Já as carnes devem ser cozidas, especialmente as de boi, porco e frango. Mas os cuidados devem ser tomados também com linguiças e salsichas, carnes de carneiro, ostras, peixes, leite não pasteurizado e até a água infectada com excrementos de animais domésticos, especialmente suínos e bovinos.

A yersiniose não é uma doença comum e até seu diagnóstico muitas vezes é confundido como sendo, por exemplo, uma crise de apendicite. Além de sintomas comuns a outras infecções gastrointestinais, como diarreia e febre, pode provocar problemas como o surgimento de nódulos dolorosos nas pernas e pés, batizados como eritemas nodosos. Essa evolução chega a atingir 10% dos adultos que são infectados.

A doença também pode causar inflamação das articulações num percentual que chega até metade dos infectados. No caso das crianças entre 10% e 30% delas apresentam diarreia com sangue.

Para evitar riscos como esse é importante verificar se os alimentos ficaram realmente cozidos. Muitos argumentam que neste processo alguns nutrientes são perdidos, mas é um preço a pagar, afinal as consequências podem ser muito mais graves.

A doença é mais comum em crianças e idosos, além de pessoas que estejam com alguma debilidade imunológica. Não há dados específicos sobre a doença no Brasil, mas podemos acreditar que haja uma boa quantidade de subnotificação em função dos seus sintomas.

Vale lembrar que algumas bactérias resistem ao frio e, com, isso, mesmo alimentos guardados em geladeiras podem preservá-las.

Portanto, busque sempre se certificar da origem dos alimentos que ingere, assim das melhores condições de conservação. Se em casa é mais fácil, na rua pode ser complicado. Então, na dúvida, não arrisque. Sua saúde vale mais.

Reportagem: http://jblog.jb.com.br/asuasaude/

Foto: http://doutissima.com.br/2015/09/18/gosta-de-comida-japonesa-fique-atento-doenca-peixe-cru-14707508/

Um comentário em “Cuidados com os alimentos crus”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

O Portal SG AGORA quer saber, você é a favor, contra ou indiferente ao fechamento do comércio local considerado não essencial em São Gotardo?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...