Homem é baleado em São Gotardo e acaba preso após a PM encontrar drogas em sua residência

Foto Capa: Arquivo/Portal SG AGORA

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Neste último domingo (11/10) em São Gotardo, um morador do bairro Boa Esperança acabou preso, após ser baleado por um outro indivíduo ainda não identificado. A vítima supostamente teria sofrido uma tentativa de homicídio porem, quando a Polícia Militar chegou até o local dos disparos, com o homem baleado foram encontradas porções de maconha, rádios comunicadores, além de uma faca. Devido ao seu grave ferimento, o homem foi transferido para o Hospital Regional na cidade de Patos de Minas acompanhado de oficiais militares que o acompanharão até sua recuperação, para posteriormente ser preso e encaminhado para as autoridades do Poder Judiciário.

Segundo informações obtidas em parceria com o Portal Tô Na Mídia de Carmo do Paranaíba, a Polícia Militar de São Gotardo recebeu uma ligação anônima no último domingo (11) informando que um indivíduo teria chegado em uma residência chamando pelo morador da casa e após um certo tempo, teria sacado uma arma e disparado três vezes contra vítima. Segundo o boletim de ocorrência, o morador da residência teria corrido para dentro da casa após os disparos e o motociclista tomou rumo ignorado.

Quando a PM chegou na referida casa, testemunhas disseram que ouviram estampidos. Como ninguém respondeu na residência, os militares precisaram pular o muro para acessar a casa. A suposta vítima então identificada como Francisco foi chamada pelos policiais, porém, não foi encontrado dentro da residência. No fundo da casa, os militares voltaram a chama pela vítima, tendo ele respondido de cima do telhado de uma casa vizinha.

Em relato aos militares, o homem disse que teria corrido para tal local para salvar sua vida. Ele foi atingido no braço direito e perdia muito sangue. Devido ao grave ferimento, uma ambulância foi acionada e socorreu a vítima até o Pronto Socorro Municipal. Durante a apuração dos fatos, os militares foram acionados para comparecer em outra residência próxima a casa do homem baleado, onde os moradores relataram que vinham sendo ameaçados pelo homem que, inclusive, já tinha ligado para a família dos moradores no Maranhão ameaçando o casal de morte.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Ainda segundo os relatos, o casal havia ajudado a esposa do baleado a fugir, o que teria provocado todas as ameaças. Durante a buscas no sistema informatizado, foram localizados outros boletins de ocorrências contra o homem por Maria da Penha, tendo, inclusive, duas medidas protetivas contra o cidadão. O casal da casa vizinha ainda disse que assim que ouviram os tiros, se trancaram dentro de casa, pensando ser Francisco que estariam cumprindo a promessa.

Com as novas apurações, uma guarnição foi solicitada para dar apoio e assim, realizar buscas pela residência do homem baleado afim de encontrar alguma arma de fogo. No telhado da casa vizinha, onde a vítima foi encontrada, os policiais localizaram uma faca grande próxima a uma mancha de sangue. Na laje do banheiro de sua casa, os militares localizaram um pacote embrulhado em sacolas azuis, contendo neles duas porções de substância análoga à maconha, sendo uma delas de tamanho bastante considerável. Também foram achados dois rádios comunicadores usados geralmente por traficantes para captar a frequência da Polícia Militar. Dois aparelhos celulares que estavam em cima do sofá da sala também foram apreendidos.

No Pronto Socorro, o médico constatou que o homem estava com uma fratura exposta no braço direito, sendo então medicado e transferido para o Hospital Regional de Patos de Minas para realizar um procedimento cirúrgico de emergência. Em relato aos militares antes de ser transferido, Francisco disse não conhecer o autor dos disparos e nem soube dizer detalhes da vestimenta ou da motocicleta utilizada por ele para cometer o crime. Apesar de não se lembrar dos outros detalhes do suposto atirador, o homem disse que arma utilizadas pelo autor seria um revólver calibre .38 de cor preta.

Ao ser questionado sobre a localização do material em sua residência, o homem chegou a ficar calado, mas acabou dizendo que era difícil justificar tal situação sobre os entorpecentes, uma vez que a droga foi localizada em sua casa. O homem também acabou assumindo a propriedade da faca encontrada no telhado da casa vizinha, alegando que era para defesa pessoal. Assim, diante dos fatos, ele recebeu voz de prisão por tráfico de drogas, sendo acompanhado por uma viatura até Patos de Minas, onde foi submetido ao procedimento cirúrgico.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

.

Reportagem: Gilberto Martins/Paranaíba Agora / Adaptações: Diego Oliveira/Portal SG AGORA / Fonte da Reportagem: Júlio César/Tô Na Mídia Carmo do Paranaíba / Foto Capa: Arquivo/Portal SG AGORA

Tags

0 Comentários “Homem é baleado em São Gotardo e acaba preso após a PM encontrar drogas em sua residência”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

O Portal SG AGORA quer saber, você é a favor, contra ou indiferente ao fechamento do comércio local considerado não essencial em São Gotardo?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...