Integrantes de quadrilha que fez roubo milionário em Uberaba são presos em Goiás

Foto capa: Sérgio Teixeira/Polícia Militar/Divulgação
Foto capa: Sérgio Teixeira/Polícia Militar/Divulgação

A operação conjunta entre diversas forças policiais do país para tentar encontrar a quadrilha responsável pelo roubo milionário a uma empresa de valores de Uberaba, na Região do Triângulo Mineiro, começa a dar resultado. Foram presos três pessoas em Goiás suspeitos de participar da ação audaciosa, que levou terror e deixou feridos na cidade mineira. Elas foram encontradas em Caldas Novas e, segundo a Polícia Militar da cidade, confessaram o crime. Com eles foi recuperado uma grande quantia em dinheiro que ainda está sendo contabilizada. Todos seriam de uma organização criminosa que atua em São Paulo. Outros criminosos ainda estão sendo procurados.

O encontro dos integrantes do grupo aconteceu depois de uma troca de informações do Serviço de Inteligência da Polícia Militar de Goiás, da Polícia Federal (PF) e a Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná, e forças policiais de Minas Gerais. Por volta das 12h, agentes do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer) conseguiram encontrar com os três criminosos, sendo dois homens e uma mulher.

Foram presos Agnaldo Francisco da Silva Pereira, vulgo Magna, Anderson Manoel de Souza, conhecido como Nativa, e Camila Pereira da Silva, esposa do Magna. “Quando foi abordado, Magna apresentou um documento falso. Todos confessaram a participação no assalto em Uberaba”, explicou o major Pedro Henrique Batista, comandante do Graer.

De acordo com o major, todos já são experientes neste tipo de crime. “Acreditamos que eles têm participação em ações contra outras bases de valores, como em Ribeirão Preto, Araçatuba, Campinas e em Cidade del Este. Eles fazem parte de uma organização criminosa que atua em São Paulo”, comentou. Entre os crimes em que são suspeitos está o maior assalto da história do Paraguai. Ao menos 30 homens fortemente armados, inclusive com metralhadora .50, capaz de derrubar até mesmo helicópteros, roubaram US$ 40 milhões de uma transportadora de valores. Na ação, houve troca de tiros e um policial e três criminosos morreram.

Segundo o major, a esposa de Magna confessou que também teve participação no assalto. “Ela contou que levou alguns integrantes e seu companheiro para Uberaba em 3 de novembro. Depois do assalto, buscou o criminosos. Mas não falou o local exato”, contou. Ainda de acordo com Batista, os presos indicaram que as armas teriam sido levadas para São Paulo, mas não falaram onde.

Os três criminosos encontrados em Caldas Novas levavam uma vida luxuosa. “Com a identidade falsa, Magna comprou imóveis e veículos. Levava uma vida de empresário bem-sucedido. Tinha casas de alto padrão e carros de luxo”, comentou o major. O trio foi levado para a delegacida de Goiás onde serão ouvidos pela Polícia Civil.

O assalto

Moradores de Uberaba foram surpreendidos pela ação ousada dos criminosos na madrugada de segunda-feira. A ofensiva teve tiros de fuzil, transformadores de energia elétrica estourados à bala, barricadas com carros e pneus queimados, correntes e “miguelitos” (objetos perfurantes para estourar pneus), tudo para barrar a reação policial. Somente depois de duas horas de cerco sob fogo as forças de segurança foram capazes de montar bloqueios nas saídas da cidade, o que não evitou a fuga do bando de aproximadamente 20 homens.

A investida teve início às 3h e terminou às 5h15. Uma pessoa se feriu e bairros inteiros ficaram sem energia elétrica. O grupo roubou a quantia que pode chegar a R$ 20 milhões segundo fontes extraoficiais – o valor não foi informado pela empresa ou pela polícia. Buscas seguem em cidades do Triângulo Mineiro e em outros estados que fazem fronteira.

Confira abaixo a fotos dos três envolvidos presos:

 

Reportagem original: https://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2017/11/07/interna_gerais,914760/integrantes-de-quadrilha-que-fez-roubo-milionario-em-uberaba-sao-preso.shtml

Tags

0 Comentários “Integrantes de quadrilha que fez roubo milionário em Uberaba são presos em Goiás”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *