Vídeo: SG AGORA conversa com Jorge, o morador de rua que busca um Lar

Após a grande repercussão sobre a reportagem do morador de rua Jorge, o SG AGORA procurou o homem e ouviu sua história. O rapaz de 32 anos, está tentando se reabilitar e estaria disposto até se internar em uma clínica de reabilitação.

Leia a primeira matéria:  http://www.sgagora.com.br/sg/homem-que-dorme-em-jardim-banco-brasil-acumula-sujeira-e-mau-cheiro-no-local/

Jorge está em São Gotardo a mais de 28 anos e desde criança, já andava nas ruas da cidade pedindo comida e dinheiro para que pudesse sobreviver. Quando adolecente, mudou para Belo Horizonte, onde através de uma má influencia conheceu as drogas.

Desde então, sem prejudicar ninguém, segundo informações do próprio morador, ele vive nas ruas das cidades, morando principalmente em São Gotardo e não tem vergonha de pedir dinheiro para sustentar seu vicio.

Recentemente, o morador de rua que está dormindo no jardim do Banco do Brasil, pediu ajuda a um casal para que pudesse se internar em uma clínica de reabilitação. A fazenda que fica no Estado de São Paulo, oferece como distração para os pacientes, fábrica de embutidos e doces, criação de gado e turismo religioso.

O SG AGORA, tentou entrar em contato com o casal para saber melhor sobre a história, porem pelo horário avançado, não conseguiu localizar os Senhores. Nossa equipe tentará novamente nesta quinta-feira (08/01) falar com o casal e saber como podemos ajudar o Jorge para que ele possa se internar e se recuperar.

Segundo informações do próprio morador de rua o Casal estaria disposto a pagar para que ele se internasse, precisando de ajuda apenas para os produtos para consumo próprio e roupas.

Alem de se internar, Jorge nos disse, que seu sonho é ter um Lar para morar. O morador de rua comentou que não adianta trabalhar sem ter um lugar para descansar, para tomar banho e até mesmo por uma questão de dignidade moral. Ele inclusive já trabalhou diversas vezes e com carteira assinada, segundo o próprio morador de rua.

Jorge disse, que caso ganhasse uma casa ou um teto para morar, jamais voltaria a vida da rua e que caso mesmo com um Lar continuasse pedindo dinheiro e comida na rua ao invés de trabalhar, iria embora da cidade e jamais voltaria em São Gotardo.

A equipe do SG AGORA, vem então pedir ajuda a todas as pessoas que se manifestaram em prol de ajudar o Jorge, que nos ajude a divulgar e cobrar das autoridades de São Gotardo uma assistência digna para o morador de rua. Segundo informações do próprio homem, jamais a Assistência Social ou Prefeitura  se propuseram a ajuda-lo e apenas pedem para que ele saia dos locais que geralmente se tornam sua “casa”.

Jorge ainda nos disse que é obrigação a Prefeitura Municipal de São Gotardo, juntamente com  a Assistência Social, lhe dar a tão sonhada casa.

Que o Jorge, consiga seu Lar!

Confiram a entrevista completa e o apelo de Jorge para a Prefeitura da cidade:

Texto: Diego Oliveira – SG AGORA
Vídeo: Jhonata Belarmino – SG AGORA

Tags

2 Comentários “Vídeo: SG AGORA conversa com Jorge, o morador de rua que busca um Lar”

  1. Vaxfuda disse:

    Conheço ele faz muito tempo, e na minha opinião tem outras pessoas que realmente precisam de uma nova chance, esse cara aí não, ja cometeu diversos furtos e teve várias possibilidades de poder mudar, só que ele resolveu mudar pra pior. Ele é um problema até para a justiça. Abram o olho!!! Essa cara aí é pra enganar

  2. NILZO disse:

    todos merecem uma ou mais chance de mudar,não podemos julgar a ninguen primeiro que não temos esse direito e depois todos nos cometemos erros na vida,e todos nos queremos uma nova oportunidade,o nosso amanha so Deus sabe como vai ser,hoje é ele amanha poderá ser qualquer um de nos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

O Portal SG AGORA quer saber, você é a favor, contra ou indiferente ao fechamento do comércio local considerado não essencial em São Gotardo?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...