Suspeito de tentativa de estupro contra criança morre baleado ao tentar fugir de delegacia em São Gotardo

Foto Capa: Reprodução/Portal SG AGORA/Facebook
Foto Capa: Reprodução/Portal SG AGORA/Facebook

Na manhã desta segunda-feira (14/01) em São Gotardo, um jovem de 20 anos de idade acusado de tentar estuprar sua própria irmã de 06 anos de idade neste último domingo (13/01) morreu após ser baleado por um policial que zelava pela segurança do autor do crime enquanto o mesmo prestava depoimento da Delegacia de Polícia Civil de São Gotardo (CONFIRA A ENTREVISTA EXCLUSIVA FORNECIDA PELO TENENTE GOMES AO PORTAL SG AGORA NO FINAL DA REPORTAGEM). O jovem infrator identificado como Rubens Pereira Lima Filho foi baleado após tentar fugir da delegacia enquanto era encaminhado para o Pronto Socorro Municipal da cidade para a realização de exames de praxe. O autor chegou a ser socorrido com vida, mas faleceu enquanto era transferido para o Hospital Regional na cidade de Patos de Minas. Rubens possuía extensa ficha criminal e era conhecido no meio policial pela prática de crimes como furto, roubo, agressões, entre outros crimes. O policial que realizou o disparo foi preso em flagrante e em seu depoimento disse que atirou apenas em legítima defesa.

Segundo informações apuradas com exclusividade pelo Portal SG AGORA com a Polícia Militar de São Gotardo, o crime de tentativa de estupro ocorreu durante a noite de domingo (13) em uma construção nos fundos da residência onde o autor do crime e sua família moravam. Ao flagrar o jovem de 20 anos com sua filha de apenas 06 anos de idade, a mãe da garota e madrasta do suspeito acionou a Polícia Militar, que realizou a prisão do autor em flagrante. Devido ao fato ter ocorrido durante a noite, a PM foi orientada a aguardar o dia amanhecer para lavrar o registro da ocorrência na Delegacia de Polícia Civil de São Gotardo. A garotinha foi encaminhada para a cidade de Patos de Minas onde realizou o exame de corpo delito, não sendo detectada o ato de penetração. Porem de acordo com a Lei, o fato da tentativa de estupro já é o suficiente para que o ato se caracterize como crime.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADEUNINTER_Graduacao-e-pos

Na manhã desta segunda-feira (14) na Delegacia de Polícia Civil de São Gotardo enquanto aguardava para ser encaminhado para o presídio na cidade de Carmo do Paranaíba, o autor alegou que estava sentido muitas dores nas costas e pediu para que suas algemas fossem trocadas de posição. Ao efetuar a abertura de uma das algemas, o jovem acabou empurrando o policial fugindo para as proximidades da Delegacia. Após persegui-ló e entrar em luta corporal com o autor do crime de estupro, o policial foi obrigado a realizar um disparo de arma de fogo contra o jovem em legítima defesa. O disparo acertou a região lateral da “nuca” do jovem infrator, que foi socorrido pelos próprios policiais que o acompanhavam antes do ocorrido. Ao chegar em estado grave de saúde no Pronto Socorro Municipal de São Gotardo, o autor foi transferido para o Hospital Regional na cidade de Patos de Minas, não resistindo e vindo a óbito posteriormente.

Em entrevista ao Portal SG AGORA, o comandante da ocorrência Tenente Fábio Gomes, contou a nossa equipe de reportagens que esta não havia sido a primeira vez que o jovem teria tentado fugir ou agredir autoridades policiais após cometer algum delito o crime, tendo inclusive, tentado agredir um Juiz durante uma audiência sobre o crime cometido por ele. Infelizmente, desde adolescente, o jovem já era habituado a cometer diversos crimes em São Gotardo, sendo apreendido diversas vezes quando ainda era menor de idade e preso após completar a maioridade. Sobre o policial que realizou o disparo, o mesmo foi preso em flagrante e está sendo mantido no Quartel de Polícia Militar para demais providências militares. O militar e testemunhas que presenciaram todo o ato também prestaram depoimentos sobre o fato ocorrido.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADEAncora-primavera-3

Confira a entrevista fornecida pela Polícia Militar de São Gotardo sobre o caso:

 

Reportagem: Diego Oliveira/Portal SG AGORA / Fonte da Reportagem: Polícia Militar de São Gotardo / Foto Capa: Reprodução/Portal SG AGORA/Facebook

Tags

0 Comentários “Suspeito de tentativa de estupro contra criança morre baleado ao tentar fugir de delegacia em São Gotardo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

De 1 a 5, qual sua nota para os serviços oferecidos pela COPASA em São Gotardo?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...