Colunista da Semana: Historia, Economia e Demografia de São Gotardo

Vamos falar um pouco da nossa querida cidade, abordando a História, Economia e Demografia.

História

Os primeiros habitantes da região da Mata da Corda e adjacências, compreendendo também a faixa territorial em que se acha localizado o município de São Gotardo, anteriormente à fundação do primitivo arraial, derivam, certamente, das expedições que penetravam o sertão, não só visando à fiscalização da cata do ouro e comércio de pedras preciosas, como também povoando os lugares por onde passavam, construindo fazendas, fundando povoados, erigindo capelas. O nome do município se deve ao seu fundador, Joaquim Gotardo de Lima.
Anteriormente, já foi distrito dos municípios de: Dores do Indaiá, Rio Paranaíba, Paracatu e Luz.

Economia

A produção agrícola da região abastece os estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Bahia, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Minas Gerais, Pará, Ceará, Amazonas, Tocantins.
O município tem na agricultura a sua principal atividade econômica, seguida da pecuária, comércio e indústria.

A agricultura tem uma produção altamente diversificada, com aplicação de alta tecnologia, constantes de projetos de pesquisa, assistência técnica que resultam em índices elevados de produtividade, com uma rotatividade de plantio de colheitas de janeiro a dezembro. No seguimento, destaca-se a Cooperativa Agrícola do Alto Paranaíba-COOPADAP.

O comércio do município é bastante diversificado, com a presença de grandes redes, como a Eletrozema, Rede Eletrosom e Magazine Luiza.

No setor supermercadista, a cidade é servida pelas três lojas do Grupo Dalila, o Supermercado Faria, no bairro Alto Bela Vista, o Supermercado São Vicente, no bairro São Vicente.

A maior parte dos estabelecimentos comerciais da cidade localizam-se na Avenida Brasil, Avenida Rui Barbosa, Rua Bento Ferreira dos Santos e Rua Coronel Frederico Coelho.

A cidade possui seis agências bancárias.

800px-Bandeira_sao_gotardo

Demografia

A população da cidade é bem diversa culturalmente. Uma parte descende dos primeiros colonizadores vindos de outras regiões de Minas Gerais em busca de novas terras ou pela extração, principalmente, de diamantes. Durante os anos 1970, vindos principalmente do Paraná e de São Paulo, atraídos pelo PADAP, vieram centenas de famílias nipo-brasileiras. E posteriormente, após os anos 1990 começou uma grande leva migratória de municípios vizinhos a São Gotardo, do norte do estado e da região Nordeste, atraídos pela escassez de mão-de-obra do município.

Índice de Gine: 0.38
Pobreza: 17.61 %
Veículos: 13.475
Veículos/habitantes : 2.3
Índice de Analfabetismo: 8 %
Homens: 50.5 %
Mulheres: 49.5 %
Acesso à saneamento básico: 89.4 %
Acesso à energia: 99.8 %

76706685

 

Reportagem: Frederico Carvalho/ SG AGORA / Fonte: IBGE

0 Comentários “Colunista da Semana: Historia, Economia e Demografia de São Gotardo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

Em ano de Eleições Municipais, qual a sua nota para atual gestão política de São Gotardo? (Prefeitura e Câmara de Vereadores)

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...