Famílias invadem propriedade da Coopadap em Guarda dos Ferreiros

Foto Capa: Aécio Gonçalves/guardadosferreiros.com
Foto Capa: Aécio Gonçalves/guardadosferreiros.com

Na manhã desta última segunda-feira (07/08) no Distrito de Guarda dos Ferreiros em Rio Paranaíba, famílias de u20m movimento liderado pela Associação de Moradores e Trabalhadores do Distrito, invadiram uma área de cerca de 48 hectares pertencentes a COOPERATIVA AGROPECUÁRIA DO ALTO PARANAÍBA (COOPADAP), localizada nos fundos da sede da mesma. A Polícia Militar de Guarda dos Ferreiros esteve no local e conversou com o líder da invasão e também com o advogado da movimentação. De acordo com a PM, a Associação que lidera a invasão, não tem qualquer vinculo com a ASMOG (Associação de Moradores de Guarda dos Ferreiros), como foi confundido em redes social e alguns Sites da região.

Segundo informações da PM passadas pelo presidente da Associação e líder da invasão, senhor Aderaldo B. A., o movimento realizado no local, não possui vinculo com o Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST). Segundo o homem, a área da invasão pertence a UNIÃO e está destinada para assentamentos. De acordo com ele, a Associação referida no início da reportagem já providenciou a documentação via judicial, requerendo a área para o assentamento que ocupará cerca de 400 famílias cadastradas na referida Associação. Cerca de 300 pessoas, com 100 famílias, já estão assentadas no local. Ainda segundo a PM, um advogado também estava acompanhando os membros da invasão.

Associação relatada não possui nenhum vinculo com a ASMOG:

A ASMOG (Associação dos Moradores de Guarda dos Ferreiros), divulgou através de nota, que não tem qualquer participação na invasão realizada pelas famílias do movimento e Associação citada no início da reportagem. Após ser criticada devido a semelhança nos “nomes” das Associações, a 1ª Secretaria da ASMOG Adriene Inês, relatou desconhecer a criação desta outra associação no distrito, visto que nunca foi a anunciado através de rádios, jornais e sites, algum convite convidando a população para participar de alguma assembléia, reuniões ou criação da mesma. Ainda segundo a Secretária, a ASMOG tem legalidade perante a Prefeitura Municipal de São Gotardo, Câmara Municipal, além de contar com a parceria da Polícia Milita e imprensa. Todas as reuniões da ASMOG são abertas a população de Guarda dos Ferreiros e são devidamente divulgadas, de acordo com a Secretária.

Confira a nota oficial de esclarecimento publicada pela ASMOG:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A ASMOG – Associação de Moradores de Guarda dos Ferreiros vem a público esclarecer alguns equívocos que andam circulando nas redes sociais.

✓ Nenhum representante ou associado devidamente cadastrado da ASMOG está envolvido nos últimos acontecimentos no distrito referente a invasão de pessoas nas terras da Coopadap.

✓ Desconhecemos a legalidade da Associação envolvida nessa invasão, nunca chegou a nosso conhecimento a existência da mesma, nunca recebemos um convite para alguma reunião ou assembleia da mesma.

✓ A ASMOG é uma associação fundada em 17/03/1988, tem todas suas reuniões de portas abertas, sua diretoria presta trabalho voluntário, não arrecadando nenhuma quantia em dinheiro de nenhum morador para exercer nenhuma atividade;

✓ Informamos aos moradores de Guarda dos Ferreiros, aos parceiros da ASMOG e as autoridades com quem nos relacionamos, que nossa Associação continua com sua mesma política de transparência e trabalho em prol do distrito.

Ressaltando mais uma vez que essa invasão nas terras da Coopadap é desconhecida da Associação de Moradores de Guarda dos Ferreiros.

Adriene Inês Selenita dos Santos
1ªSecretaria

 

Reportagem: Diego Oliveira/Portal SG AGORA / Fonte da Reportagem: ASMOG (Associação de Moradores de Guarda dos Ferreiros) / Foto Capa: Aécio Gonçalves/guardadosferreiros.com

Tags

0 Comentários “Famílias invadem propriedade da Coopadap em Guarda dos Ferreiros”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *