Superintendente volta atrás e não confirma zika vírus no Alto Paranaíba

Dois dias após confirmar três casos de zika vírus em moradores de cidades do Alto Paranaíba, o superintendente regional de Saúde (SRS) de Patos de Minas, Lindomar Marques Babilônia, voltou atrás e disse que se equivocou nesta quinta-feira (11). Segundo ele, os casos foram notificados, mas não confirmados. A previsão é que os resultados dos exames dos pacientes saiam na próxima sexta-feira (12).

“Eu não estava na superintendência e me equivoquei na questão de suspeito e confirmado. Mas trabalhamos como se os casos fossem confirmados, fazendo o bloqueio e ações de combate ao mosquito”, afirmou.

A expectativa de Babilônia é que pelo menos um dos casos não seja confirmado com os resultados dos exames. “A paciente de Carmo do Paranaíba, que é nossa maior preocupação por ser gestante, não teve um dos sintomas da doença. Ela não teve febre, então é provável que o caso não seja confirmado. Mas temos que aguardar”, disse.

Além da gestante em Carmo do Paranaíba, há suspeita de que outras duas pessoas que moram em Patos de Minas e Serra do Salitre tenham se contaminado com o zika vírus em viagens para outros Estados.

 

Reportagem: http://g1.globo.com/minas-gerais/triangulo-mineiro/noticia/2016/02/superintendente-volta-atras-e-nao-confirma-zika-virus-no-alto-paranaiba.html

0 Comentários “Superintendente volta atrás e não confirma zika vírus no Alto Paranaíba”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

Que tipo de conteúdo ou tema você gostaria de ler no Portal SG AGORA?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...