Confusão sobre o funcionamento do comércio local de São Gotardo poderia ter sido evitada, segundo advogado

Foto Capa: Arquivo/Portal SG AGORA

Uma guerra de desinformações. Após afirmar em entrevista a TV Aberta Rede Minas nesta última segunda-feira (30/03), que iniciaria um estudo para viabilizar abertura do comércio e fim de parte da quarentena domiciliar em todo o Estado, Romeu Zema contradize a nota de esclarecimento da Secretaria Geral do Estado de Minas Gerais, publicada no dia 22 de Março de 2020, a qual afirma que a volta do comércio local ou parte dele, dependerá do Chefe do Poder Executivo de cada município.

O Portal SG AGORA teve acesso ao documento através do advogado Dr. Presley Rolf Andrade, advogado militante na comarca de São Gotardo que procurou a redação de nosso Site e disse que todo o problema já poderia ter sido resolvido, caso o Governo do Estado de Minas Gerais ou a Prefeitura Municipal da cidade tivessem se manifestado de maneira mais clara e seguindo a última nota oficial de esclarecimento (CONFIRA A NOTA DE ESCLARECIMENTO NO FINAL DA REPORTAGEM).

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADEUNINTER_Graduacao-e-pos

Pasmem, a nota foi publicada em 22/03/2020, cabendo desde sua publicação, o Prefeito Municipal de São Gotardo, Seiji Eduardo Sekita, esclarecer com mais detalhes quais os comércios de São Gotardo poderão voltar ao seu funcionamento. Em ambos decretos publicados pela Prefeitura Municipal até este momento da pandemia do Coronavírus, em nenhum dos documentos, fica evidenciado de maneira clara e esclarecedora para todos, quais os ramos de segmentos podem voltar a funcionar na cidade.

De acordo com Dr. Presley, que disse que até que uma nova nota seja publicada pelo Estado, a publicada no dia 22 de Março logo após o Decreto de Estado de Calamidade Pública decretado pelo Governado Romeu Zema deve ser seguida, o Prefeito de São Gotardo poderia ter evitado tantos transtornos de informações se tivesse se manifestado naquela época, o que não o fez até o momento de forma CLARA e a TRANQUILIZAR a população, comerciantes e empresários do município de São Gotardo e seus distritos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Confira a nota publicada pela Secretaria Geral do Governo do Estado de Minas Gerais logo após o Decreto de Estado de Calamidade Pública, decretado pelo Governado Romeu Zema:

Reportagem: Diego Oliveira/Portal SG AGORA / Fonte da Reportagem: Presley Rolf Andrade – Advogado militante na comarca de São Gotardo – Oba/MG 118.426 / Foto Capa: Reprodução/Google Imagens

Tags

0 Comentários “Confusão sobre o funcionamento do comércio local de São Gotardo poderia ter sido evitada, segundo advogado”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

Em ano de Eleições Municipais, qual a sua nota para atual gestão política de São Gotardo? (Prefeitura e Câmara de Vereadores)

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...