Poder Judiciário de São Gotardo destina quase 800 mil reais em recursos para obras da Santa Casa

Foto Capa: Diego Oliveira/Portal SG AGORA

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O juiz de Direito da Comarca de São Gotardo, Miller Freire de Carvalho, endossou pedido da Santa Casa de Misericórdia local e destinou R$ 789.972,88 — recurso originado de penas pecuniárias — para a finalização de obras em andamento no hospital. A doação foi realizada no último mês de Maio de 2021.

Os valores serão utilizados para ampliação e adequação da rede elétrica de todo o hospital, sendo direcionados para aquisição de gerador, transformador, fornecimento de mão de obra especializada e todo o material necessário para a execução dos serviços. Os geradores inclusive já foram comprados e serão instalados muito em breve.

Coletiva de Imprensa foi realizada no dia da chegada dos geradores (Foto: SG AGORA)

O juiz Miller Freire de Carvalho considera que “a iniciativa do TJMG, mais uma vez apoiada pelo desembargador Pedro Bernardes, de destinar quase R$ 800 mil à Santa Casa de Misericórdia de São Gotardo, em um momento tão delicado da nossa saúde, valoriza a cidade, ajuda os munícipes locais e vizinhos e mantém acesa a chama da solidariedade”.

O magistrado pontua que a Santa Casa está finalizando as obras de modernização e ampliação. Nesse cenário, “o dinheiro recebido concretizará, de vez, a implantação das dez unidades de tratamento intensivo, utilizadas principalmente no tratamento dos pacientes acometidos pela covid-19, e contribuirá para os novos leitos, a UTI neonatal e o centro de hemodiálise”.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, desembargador Gilson Soares Lemes, disse que “os valores provenientes da aplicação da pena de prestação pecuniária destinados, neste caso, à área da saúde, beneficiam a coletividade. Sobretudo durante a pandemia, a área de saúde — hospitais e fundações públicas — tem sido especialmente contemplada pelo Judiciário”.

O desembargador Pedro Bernardes, natural de São Gotardo, registra a relevância da iniciativa, que irá resultar no atendimento qualificado pela Santa Casa à população carente de toda a região.

UTI, NEO-UTI e Centro de Hemodiálise muito em breve estarão funcionando gratuitamente para toda a população (Foto: SG AGORA) 

O magistrado lembra que a Santa Casa de São Gotardo entrou em operação em 1954 e presta serviços também a moradores dos distritos de Abaeté dos Venâncios, Funchal, Guarda dos Ferreiros, São José da Bela Vista e até de municípios como Tiros e Santa Rosa da Serra.

O desembargador Pedro Bernardes diz que, com o recrudescimento da pandemia da covid-19, houve aumento da demanda por serviços da Santa Casa, em especial, da Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Tal incremento impactou o consumo de energia.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Daí a necessidade de reestruturar o sistema elétrico da unidade de assistência gratuita ao cidadão de São Gotardo e região”, explicou.

O desembargador Pedro Bernardes destacou, também, o reconhecimento pelo TJMG da relevância da comarca, ao instalar a 2ª Vara Cível, Criminal e da Infância e da Juventude e construir um novo fórum em São Gotardo.

Irmandade Santa Casa de Misericórdia é quem administra as obras e também o hospital (Foto: SG AGORA)

“A comunidade está muito agradecida pelo empenho do TJMG não só em prestar um serviço de qualidade na resolução de conflitos, mas via canais competentes e legais e aprimorar a assistência à saúde de todos”, disse.

O juiz Miller Freire de Carvalho reforça as informações do desembargador Pedro Bernardes. “Sem o recurso cedido pelo Tribunal de Justiça, a modernização da rede elétrica do hospital, notadamente a aquisição de equipamentos como gerador e transformador, estaria prejudicada. Enfim, a ajuda recebida antecipou consideravelmente o avanço das obras da Santa Casa”, afirmou o juiz.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

.

Reportagem: Assessoria de Imprensa Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) / Fotos Utilizadas e Foto Capa: Diego Oliveira/Portal SG AGORA

Tags

0 Comentários “Poder Judiciário de São Gotardo destina quase 800 mil reais em recursos para obras da Santa Casa”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ANUNCIE
ANUNCIE

Enquetes

Com qual nota você avalia o trabalho da Prefeitura Municipal de São Gotardo até este momento?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...